Graças ao serviço de inteligência da Polícia Civil de Curuá, no combate a comercialização de entorpecente "TRÁFICO DE DROGA", a referida instituição em diligência nesta segunda feira 03/12/2018, por volta das 12hs recebeu uma ligação anônima de que no local denominado "OS TRINTA", área de invasão, haveria 03 elementos consumindo droga ilícita.
Imediatamente uma equipe da Polícia Civil se deslocou até o local supostamente denunciado e comprovaram a materialidade do crime. Sendo que, no momento da abordagem 03 jovens conhecidos pelas alcunhas de: CAVEIRA, DALO e MOCOTÓ, os mesmos estavam de posse de 03 (três)  trouxinhas contendo substância esbranquiçada e 01 (uma) trouxinha contendo substância esverdeada, cujo os produtos estavam em poder do indivíduo ALANDSON SARMENTO ALBUQUERQUE, vulgo "MOCOTÓ" de 23 anos de idade. Na oportunidade o mesmo confessou a polícia que em sua casa na sua bolsa de viagem haveria mais 09 (nove) trouxinhas. Pasmem! Para surpresa da polícia não seria 09 (nove) mais sim 11 (onze) trouxinhas de maconha. Segundo a polícia já foi lavrado o flagrante delito e o MOCOTÓ foi imputado no Artigo 33 da Lei de Tóxico 11.343/06, cujo inquérito foi presidido pelo delegado Dr. Filipe Amorim e colocando o acusado a disposição da justiça para responder criminalmente.

Fonte: Socorro Paes e PC

Post a Comment

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!

Postagem Anterior Próxima Postagem