A Polícia Civil do Pará acaba de prender, na cidade de Altamira, sudoeste paraense, o fazendeiro Regivaldo Pereira Galvão, conhecido como Taradão, que teve a prisão decretada pela Justiça, pela condenação como mandante do assassinato da missionária norte-americana Dorothy Stang.
O crime ocorreu em Anapu, em 2005. Policiais civis da Superintendência Regional do Xingu, sob comando do delegado Walison Damasceno, e Delegacia de Conflitos Agrários de Altamira (DECA), por determinação da Diretoria de Polícia do Interior da Polícia Civil (DPI), receberam o mandado de prisão encaminhado pelo Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJE) no dia de hoje.

Regivaldo foi localizado em sua casa, no bairro Jardim Independente I, área urbana de Altamira. Ele será conduzido ainda nesta tarde, para a sede da Superintendência Regional da Polícia Civil, no município, onde vai permanecer no aguardo de transferência para o Sistema Penitenciário.

Regivaldo Galvão foi condenado a 30 anos de reclusão em 30 de abril de 2010, como mandante do assassinato da missionária norte-americana Dorothy Stang. A condenação foi mantida em segunda instância, e a pena chegou a ser reduzida para 25 anos pelo Superior Tribunal de Justiça, que autorizou a prisão em 2017.

Fonte: PC

Post a Comment

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!

Postagem Anterior Próxima Postagem

CASA DOS PADRÕES E ENERGIA SOLAR:

Está pagando talão de energia com valores exorbitantes? Quer pagar só a taxa mínima?Entre em contato com nossa equipe que está esperando para lhe atender.- Loja: (93) 99241-1288 – - Setor Técnico: (93) 99193-1288. - E-mail: casadospadroes.stm@gmail.com - Site: https://www.casadospadroes.com.br/energia-solar - https://www.instagram.com/casadospadroes.energiasolar/