A Polícia de Marabá investiga o assassinato do ex-policial militar Júlio Jhonne Costa Silva, 31 anos, no início da tarde de sábado (10), por volta das 13h. Um atirador de elite (sniper) é a suspeita da polícia para o assassinato do ex-PM, que estava hospedado há cerca de cinco dias com a namorada, no hotel na frente do qual ele foi assassinado, no sudeste do Pará.

Vídeos nas redes sociais mostram a vítima saindo do hotel ao lado da jovem, com uma sacola. Ele aparenta apreensão quando dois rapazes passam por eles de moto. No veículo (Captur branca) estacionado, ele abre a porta, coloca a sacola e, ao retornar, é atingido por no mínimo dois tiros. A namorada estava a menos de um metro de distância.A moça leva as mãos à cabeça aterrorizada, enquanto Júlio coloca as mãos no abdômen, corre para se esconder e cai, ao lado de um banco de cimento. Ele agoniza e morre.O criminoso ou criminosos estariam em um Ford K branco. Menos de um minuto após os disparos que mataram Júlio Jhonne, esse veículo sai na direção oposta (esquerda).

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local, mas Júlio já estava morto. O delegado Vinícius Cardoso das Neves informou que testemunhas já foram ouvidas. ”Embora vídeos e foto desse crime tenham circulado de forma viral em Marabá, há muitos elementos que a polícia precisa manter de forma reservada para não prejudicar a investigação”, disse ele, neste domingo.

MATADOR: Júlio saiu da PM depois que, em novembro de 2019, a Polícia Civil fez busca e apreensão em sua residência, por ele ser acusado de participar do assassinato de Francisco José de Sousa, em 13 de julho daquele ano, em Senador José Porfírio..A polícia prendeu um pecuarista de Marabá e também buscava José Fernando Feitosa da Silva, outro acusado daquele homicídio.Ele respondia, também, a vários processos criminais, no Pará e no Estado do Tocantins.Nas redes sociais, várias pessoas comentam, de sábado para cá, que ele teria sido o matador de outro homem, crime ocorrido em setembro de 2020 na orla de Marabá (tendo sido filmado), mas a Polícia não confirma esta ligação.

Fonte: https://www.oliberal.com/

Post a Comment

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!

Postagem Anterior Próxima Postagem

CASA DOS PADRÕES E ENERGIA SOLAR:

Está pagando talão de energia com valores exorbitantes? Quer pagar só a taxa mínima?Entre em contato com nossa equipe que está esperando para lhe atender.- Loja: (93) 99241-1288 – - Setor Técnico: (93) 99193-1288. - E-mail: casadospadroes.stm@gmail.com - Site: https://www.casadospadroes.com.br/energia-solar - https://www.instagram.com/casadospadroes.energiasolar/