Preso nesta quarta-feira, 7, o ex-diretor do Departamento de Logística do Ministério da Saúde Roberto Ferreira Dias, pagou fiança no valor de R$ 1,1 mil e foi liberado na noite de hoje, das dependências da Polícia Legislativa, onde permaneceu preso por determinação do presidente da CPI da Covid, senador Omar Aziz (PSD-AM). Dias foi convocado pela CPI após ter seu nome citado num suposto esquema de pagamento de propina para compra de vacinas contra covid-19. O ex-diretor negou as acusações. Aziz determinou a prisão do depoente por perjúrio e falso testemunho. Segundo o presidente da comissão, a medida foi tomada para que "a CPI não vire chacota".

Com informações do G1 e Gazeta Brasil


 


Post a Comment

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!

Postagem Anterior Próxima Postagem

Amazônia Trator Peças

Junior Ribeiro / Itaituba Pará
Amazônia Trator Peças