Um vereador da cidade de Serranópolis de Minas, localizada no norte de Minas Gerais, foi indiciado pela polícia e está preso sob suspeita de agredir e amarrar uma mulher a uma árvore -os dois tinham um relacionamento, de acordo com o advogado da vítima. Adva Avelino de Souza (PSD) foi levado para o presídio de Porteirinha no dia 28 de setembro sob a acusação de tentativa de feminicídio, de acordo com o delegado do caso, André Brandão. As agressões teriam ocorrido na quinta-feira anterior (23) na casa onde ele e a mulher moravam. Segundo a Polícia Civil, o homem teria amarrado a vítima pelo pescoço em uma árvore, para asfixiá-la e depois a arrastou pelo chão do terreno. Ele teria feito isso porque estava com ciúmes dela devido a postagens em redes sociais. Em um vídeo, gravado por seu advogado, a vítima conta como foram as agressões. "Ele pegou a corda, me puxou e passou a corda aqui [ela diz, apontando para um tronco de árvore]. Eu falei: 'me solta, moço, solta, não me mata, não'", diz ela. No vídeo, é possível ver as marcas deixadas pela corda no pescoço da mulher. Ela também indica a distância que teria sido arrastada e diz que, caso não tivesse conseguido se soltar da corda, teria morrido. De acordo com a polícia, a perícia confirmou as marcas deixadas no pescoço e nas costas da mulher por conta das agressões. Fabio Silva Nunes, advogado da vítima, disse que em 2019 o casal dissolveu a união estável que mantinha até então. Pelo acordo, ela ficaria com a casa e ele, com o carro. Os dois reataram o relacionamento, mas voltaram a se desentender.

FONTE: DOL 


Post a Comment

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!

Postagem Anterior Próxima Postagem

31ª EXPOAGRO DE ITAITUBA

Junior Ribeiro / Itaituba Pará
PARTICIPE DA 31ª EXPOAGRO DE ITAITUBA: As cartelas do 1º lote estão sendo vendidas por R$130, que dará direito a entrada nas 05 noites, prestigiar na pista todos os Shows, inclusive do Gustavo Lima, e concorrer 03 carros FIAT-MOBI e 02 prêmios de 15 mil reais.