Givanildo Santos de Jesus, 40 anos, foi preso na noite desta quinta-feira, (01/12/2022), por volta das 21hrs, na cidade de Itaituba, no sudoeste do estado, depois que a policia Militar e polícia civil montaram uma operação para prendê-lo. Givanildo foi preso em um bar na orla de Itaituba, enquanto esperava uma ‘suposta’ namorada. Preso ele foi encaminhado para a delegacia de polícia de Itaituba. Givanildo é acusado de aplica vários golpes em várias cidades do estado do Pará, (Rurópolis; Altamira; Marabá; Dom Elizeu; Jacundá e Itaituba). Segundo as investigações pelo menos 50 pessoas foram vítimas do estelionatário, que já tinha um pedido de prisão preventiva feita pela justiça de Rurópolis-Pará.
(Sargento Jair do 15ºBPM- Itaituba)

O golpe acontecia assim, ele entrava em contato com as suas vítimas via aplicativo de mensagens, (WhatsApp – perfil falso), e negociava um determinado produto, e, antes da entregar, ele aumentava o pedido, e solicitava um empréstimo da vítima com quem ele já tinha feito amizade, alegando que só tinha dinheiro em espécie, então, a vítima fazia um deposito via PIX com a promessa de receber o dinheiro quando o produto solicitado fosse entregue.
(Vitima - foi na delegacia)

Este homem que não quer se identificar foi uma das vítimas de Givanildo e confirmou como ele agia. Na delegacia de polícia, ele negou o crime, e disse não saber por que estava sendo preso. O sargento Jair da Policia Militar de Itaituba foi quem fez a prisão de Givanildo e conta que a princípio ele negou o crime que acabou confessando que aplicava os golpes na região.
(Material apreendido)

(Givanildo Santos de Jesus, nega acusação)


Fonte: BLOG JHONNY NOTÍCIAS


Post a Comment

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!

Postagem Anterior Próxima Postagem

Amazônia Trator Peças

Clique aqui e saiba mais ...