Foragido da Justiça, Cristiano de Sousa Paiva, vulgo Metralha, foi preso pela PM durante barreira sanitária. Ele é acusado de liderar grupo que cometeu crime em julho de 2019. O suspeito de liderar um grupo durante tentativa de homicídio contra servidores do Ibama e Exército em Placas, no oeste do Pará, em julho de 2019, foi transferido para o presídio de Santarém. Cristiano de Sousa Paiva, vulgo Metralha, foi preso no sábado (20).

De acordo com a Polícia Civil, Metralha foi parado em uma barreira sanitária de combate ao coronavírus, em Placas, e conduzido à delegacia onde foi constatado que havia mandados de prisão em aberto por diversos crimes, como atentado contra a vida e também ambientais.

O delegado titular de Placas, Domingos Djalma, solicitou a transferência na terça-feira (23), quando uma operação integrada foi iniciada com apoio do delegado de Rurópolis Ariosnaldo Vital Filho, e dos investigadores Alexandre Ripper e Guilherme Saraiva, além dos policiais militares da 17ª CIPM.
Metralha foi transferido durante operação integrada das Polícias Civil e Militar de Placas e Rurópolis — Foto: Divulgação
A transferência foi concluída nesta quarta-feira (24). Cristiano de Sousa Paiva passou por exame de corpo de delito e já está na Centro Agrícola Silvio Hall de Moura, na comunidade Cucurunã.

Outro líder: Outra pessoa é apontada como líder do atentado aos servidores do Ibama e Exército. Wesley Pádua de Oliveira, conhecido como Ceguinho, se apresentou assim que teve a prisão preventiva decretada. Ele ficou preso por alguns dias e foi liberado pela Justiça Federal sob liberdade provisória após pagamento de fiança.

Denunciados à Justiça: O Ministério Público Federal (MPF) denunciou à Justiça Federal seis acusados, entre eles Metralha e Ceguinho, por uma série de crimes cometidos em tentativas de impedir fiscalização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) em Placas, no oeste do Pará, em 15 de julho do ano passado.

Na ocasião, madeireiros ilegais e seus cúmplices tentaram atear fogo em dois servidores e em um veículo da autarquia, tentaram bloquear um caminhão do Exército e ameaçaram incendiá-lo, e queimaram pontes, deixando a cidade isolada.


Post a Comment

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!

Postagem Anterior Próxima Postagem

AMAZÔNIA TRATOR PEÇAS (ITAITUBA/JACAREACANGA)

Nós trabalhamos com peças para escavadeiras e tratores em geral. Prensamos mangueiras da marca manuli, onde somos autorizados, mangueiras originais. Somos a maior distribuidora de peças para Hyundai hoje do Brasil. (93)- 3518-4435/ 99126-8091.